Homem preso em Picos já havia matado sete pessoas

Homem preso em Picos já havia matado sete pessoas
O casal Nilton Moura do Nascimento, de 30 anos, e Janaina Viana Martins, de 31 anos, preso no último sábado (02/03) suspeito de matar o taxista Ileno Alexandre da Silva, de 53 anos, revelou detalhes do crime e chocou até a polícia pela crueldade e frieza. A vítima foi sequestrada na última quinta-feira (21), em Petrolina (PE), e levada para a cidade de Simplício Mendes, no Piauí, onde foi morto a pauladas.

O corpo teria sido abandonado próximo a um assentamento, mas até o momento o cadáver não foi localizado e a Polícia do Pernambuco tem feito buscas na região no sentido de encontrar o taxista.

O delegado Rodrigues Morais, da Delegacia de Picos (PI) disse que durante o depoimento e de forma espontânea Nilton revelou detalhes do crime. Segundo ele, os dois fingiram que estavam precisando viajar e fretaram um taxi, escolhido aleatoriamente na cidade de Petrolina.  “O plano era pegar um taxista. Certo momento a Janaina indicou um taxista – ‘vamos pegar aquele’ – e Nilton discordou – ‘não, vamos pegar um coroa, mais velho, que é mais fácil à gente fazer o serviço’ -”, disse o Delegado.

Milton revelou durante o depoimento que o taxista Ileno Alexandre da Silva não foi a sua primeira vítima. “Disse na minha frente que era o sétimo homicídio dele e que os outros seis nem ele sabe quem matou, porque ele brigava em festa e matava as pessoas”, revelou o delegado Rodrigo Moraes.

Os outros seis crimes ficaram impunes já que a Polícia nunca conseguiu provar a autoria dos assassinatos. “Ele matava aleatoriamente. Dos crimes apenas um furto no Maranhão ele foi identificado e responde pelo crime”, disse o delegado.

As revelações chocaram até mesmo os policiais picoenses pela frieza e pela crueldade do assassino em série. “Ele matou um pai de família e veio para Picos brincar o carnaval. A gente não está habituado com este tipo de coisa”, revelou espantando o delegado.

Para evitar qualquer dúvida sobre as condições do depoimento o delegado pediu que o assassino fosse submetido a exame de corpo de delito.

O casal Nilton, natural de Juazeiro do Norte (CE), e Janaina de Petrolina (PE) foi preso na manhã do último sábado (02/03), cidade de Picos (PI), durante abordagem da Polícia Militar no final da primeira noite de Carnaval.


FONTE: Web Piauí

Postar um comentário

0 Comentários