Governo de Pernambuco diz que vai pagar Garantia Safra até 15 de janeiro

Governo de Pernambuco diz que vai pagar Garantia Safra até 15 de janeiro
Após divulgarmos na manhã desta sexta-feira, 4, uma informação sobre a falta de repasses do Governo de Pernambuco que pode prejudicar o pagamento do Garantia Safra, a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Agrário enviou uma nota ao blog sobre o assunto.
A pasta assegura que liquidará até o dia 15 de janeiro todos os pagamentos da Região 1, que reúne os municípios do Sertão, e está aguardando autorização do Governo Federal para efetuar os repasses da Região 2, que engloba todos os municípios do Agreste da Zona da Mata.
Confira a nota na íntegra:
Quanto ao Programa Garantia Safra, referente à safra 2017/2018, a Secretaria de Desenvolvimento Agrário esclarece que o Governo de Pernambuco irá honrar com seus compromissos, efetuando os pagamentos dos aportes estaduais.
A Secretaria de Desenvolvimento Agrário assegura que os pagamentos da região 2 serão liquidados até o dia 15 de janeiro. Com relação aos repasses da região 1, a secretaria aguarda a autorização do Governo Federal, do Ministério da Agricultura, para efetuar a transferência dos valores, para isso, já solicitou a prorrogação do prazo. Até o momento, não houve retorno desse pedido, devido à desestruturação da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), antigo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). O novo secretário, Dílson Peixoto, que assumiu o cargo na última quarta-feira (02/01), vai concentrar esforços de sua equipe para que a questão seja solucionada junto ao Governo Federal.
O Garantia Safra é um programa estratégico para Pernambuco, construído com a participação do Governo Federal, Estadual, Municipal e sociedade civil organizada. O programa é um benefício no valor de R$ 850,00, pago em 5 parcelas, aos agricultores familiares que perderam suas lavouras por conta de catástrofes climáticas, como excesso ou escassez de chuvas. Em Pernambuco, o programa atende a 103 municípios do Agreste e Sertão, podendo beneficiar até 120 mil famílias da zona rural.

Gerência de Comunicação – Secretaria de Desenvolvimento Agrário

Postar um comentário

0 Comentários