Favoritismos #36: jejum favorece São Paulo em luta com Grêmio por vaga direta na Libertadores

De 2006 em diante, mesmo mandante o Vasco ainda não conseguiu derrotar o Tricolor paulista , 
São Paulo em luta com Grêmio por vaga direta na Libertadores
enquanto o Grêmio, melhor visitante e defesa do bimestre, viaja para enfrentar o Flamengo
Em sua disputa particular com o Grêmio por uma vaga direta na fase de grupos da Libertadores do ano que vem, o São Paulo tem na história uma vantagem para inspirar seus atletas: de 2006 para cá, mesmo sendo mandante, o Vasco ainda não venceu o São Paulo em nove jogos: foram quatro empates e cinco vitórias do São Paulo. Além disso, o Vasco está sob fortíssima pressão com apenas dois pontos o afastando a zona de rebaixamento. Uma batalha duríssima na quinta-feira.
O Grêmio também joga no Rio de Janeiro, mas antes, na quarta-feira. E o Flamengo tem a maior vantagem de um mandante sobre o visitante da rodada: de 2006 para cá foram sete vitórias do Flamengo, dois empates e três vitórias do Grêmio em 12 jogos. No bimestre, o Flamengo tem o quarto melhor desempenho mandante, o quinto melhor ataque mandante e a quarta melhor defesa mandantes. As marcas são consistentes, mas o Grêmio tem o melhor desempenho visitante, o nono ataque e a melhor defesa visitante.
Favoritismos considera o mando de campo ao analisar o desempenho no bimestre (em jogos entre 18 de setembro e 18 de novembro) e o retrospecto histórico desde 2006, quando o Brasileirão passou a ser disputado em pontos corridos por 20 clubes.
Veja os números da rodada #36:
Internacional x Atlético-MG >> Internacional. De 2006 para cá, pela Série A com este mando foram sete vitórias do Internacional (77%), dois empates e uma vitória do Atlético-MG (17%) em dez jogos. Nos jogos disputados no último bimestre, como mandante o Internacional tem o terceiro melhor desempenho (87%, 4V, 1E, 0D), com o quarto melhor ataque mandante (11 gols, média 2,20), mas a 14ª defesa (5 gols, média 1,00). Quando foi visitante no último bimestre, o Atlético-MG tem o 14º aproveitamento (20%, 1V, 0E, 4D), com o quinto pior ataque visitante (3 gols, média 0,60) e com a oitava defesa (6 gols, média 1,20).
Santos x Botafogo >> Santos. Na história dos pontos corridos com 20 equipes, desde 2006, com este mando foram cinco vitórias do Santos (58%), quatro empates e duas vitórias do Botafogo (30%) em 11 jogos. Em casa, de setembro para cá, o Santos tem o sétimo desempenho (67%, 3V, 1E, 1D), com o 12º ataque mandante (6 gols, média 1,20) e a segunda melhor defesa mandante (2 gols, média 0,40). Quando atuou como visitante, o Botafogo tem o quinto melhor desempenho (47%, 2V, 1E, 2D), com o terceiro melhor ataque (7 gols, média 1,40) e a 11ª defesa visitante (7 gols, média 1,40).

Postar um comentário

0 Comentários